10 mitos e verdades sobre a drenagem linfática

Entenda o que é fato e o que não é sobre essa técnica de terapia corporal

 

A drenagem linfática é uma técnica que existe desde 1930, desenvolvida pelo casal de doutores dinamarqueses Emil e Estrid Vodder para o tratamento de sinusite crônica e de outros distúrbios imunológicos.

Mesmo caminhando para 90 anos de existência, a drenagem linfática ainda é permeada por uma série de mitos e verdades, que confundem tanto os incautos quanto até mesmo as pessoas que já recorrem a ela para melhorar sua saúde.

Pois bem, chegou a hora de desmistificar o assunto! Vamos conferir os maiores mitos e verdades sobre a drenagem linfática e, assim, entender mais a fundo como ela funciona e pode nos ajudar.

Imagem: Google

Drenagem linfática: o que é mito e o que é verdade?

Depois das próximas curiosidades e explicações, será possível eliminar uma série de dúvidas e incertezas sobre o assunto!

Imagem: Google

1 – Drenagem linfática ajuda a perder gordura: mito

Esse é um dos maiores mitos que existem sobre o assunto. Na verdade, as drenagens linfáticas não ajudam a perder gordura, já que elas são responsáveis por estimular o funcionamento do sistema linfático, que não possui relação com o tecido adiposo.

Indiretamente, a drenagem pode ajudar a perder peso, já que os líquidos retidos poderão ser eliminados, o que, por consequência, pode te fazer perder algumas gramas ou até mesmo quilos na balança. Porém, isso não terá ocorrido pela redução de gordura, mas sim de líquidos.

 

2 – Ajuda no pós-operatório de cirurgias plásticas: verdade

Imagem: Google

Uma das principais recomendações da drenagem linfática é depois da realização de cirurgias plásticas, como abdominoplastias, lipoaspirações e próteses de mama, e ela realmente desempenha um papel muito importante no pós-operatório.

Isso já foi objeto de vários estudos. Um deles, feito por 6 médicos brasileiros e divulgado em 2014 no Indian Journal of Plastic Surgery, mostrou que a associação da drenagem linfática manual com ultrassom terapêutico reduziu significativamente dores, inchaços e fibroses nos pacientes.

Além de ajudar na recuperação, o próprio resultado das cirurgias plásticas pode ser potencializado com as drenagens linfáticas.

 

3 – Drenagem linfática ajuda a espalhar o câncer pelo corpo: mito

Esse é um grande mito. Ainda que portadores de linfoma (câncer no sistema linfático) não recebam drenagens linfáticas a menos que sejam autorizados por seus médicos, vários testes já foram feitos e comprovaram que elas não são capazes de espalhar cânceres.

Na verdade, as drenagens podem ser benéficas para portadores de câncer por estimular o sistema nervoso parassimpático e, assim, resultar na desaceleração dos batimentos cardíacos e na redução da pressão arterial, da adrenalina e do açúcar no sangue.

Ainda assim, é importante que os portadores de câncer conversem com seus médicos sobre a possibilidade de fazer drenagens linfáticas para que eles também estejam de acordo.

 

4 – Pode haver contraindicações para a drenagem linfática: verdade

Ainda que seja um procedimento benéfico na grande maioria dos casos, certas pessoas não devem se submeter a essa técnica, o que poderia agravar alguns de seus quadros de saúde.

Pessoas com tuberculose, inflamações, insuficiência renal e trombose venosa profunda não devem se submeter a ela. Já pacientes de hipertireoidismo, hipotensão arterial, insuficiência cardíaca e estados febris se enquadram nas contraindicações relativas, ou seja, precisam de aprovação médica para realizá-la.

 

5 – Drenagem linfática aumenta a vontade de urinar: depende

O objetivo da drenagem é fazer com que a linfa vá para os linfonodos e, depois, seja encaminhada aos rins. Isso pode fazer com que a vontade de urinar aumente nas 24 horas seguintes devido à maior concentração de líquidos nos rins.

Porém, essa não é uma regra. Pode ser que você passe por uma sessão de drenagem linfática e não sinta mais vontade de urinar do que o normal. Isso também não quer dizer que a drenagem foi feita incorretamente, já que o aumento da função urinária depende da reação de cada organismo.

 

6 – Grávidas não podem fazer drenagem linfática: mito

Imagem: Google

É comum ouvir dizer que as gestantes não podem passar por drenagens linfáticas, mas esse é um mito. Na verdade, essa é uma técnica que pode fazer muito bem a elas.

A gravidez costuma aumentar o fluxo sanguíneo, assim como a pressão exercida sobre os membros inferiores, que precisam suportar o ganho de peso. A drenagem ajuda a aliviar dores nas pernas e pés, reduzir a aparição da celulite, evitar varizes e até melhorar a qualidade do sono.

 

7 – Ajuda no tratamento do câncer: verdade

Estudos científicos comprovam que há uma série de efeitos positivos da drenagem linfática em pessoas que passam por tratamentos de câncer, seja através de cirurgias ou quimioterapias.

Alguns desses benefícios são a redução de náuseas, fadiga, depressão, dor e ansiedade. Além disso, as pessoas tendem a se sentir mais relaxadas e alertas mentalmente, bem como a ter a cicatrização de lesões e ferimentos agilizada.

 

8 – Apenas profissionais devidamente capacitados podem oferecer o serviço: verdade

A drenagem é um tipo de massagem bem específico, e a pessoa que a realiza deve ter pleno conhecimento dos sistemas circulatório, linfático e endócrino. Além da parte teórica, também é essencial ter se submetido a treinamentos práticos.

Quando aplicada incorretamente, a drenagem pode trazer sérios prejuízos, desde dores musculares até outros mais sérios, como complicações em períodos pós-operatórios. Por isso, sempre procure pessoas certificadas e comprovadamente experientes.

 

9 – Drenagem linfática dói: mito

Quando realizada corretamente, a drenagem é bem relaxante, já que a suavidade é necessária no processo para que o sistema linfático seja estimulado. Certos tipos de massagem podem ser um pouco mais intensos e causar pequenos desconfortos musculares, mas esse não é o caso da drenagem linfática.

 

10 – Drenagens relaxam o corpo e a mente: verdade

Imagem: Google

Elas podem fazer maravilhas caso você esteja se sentindo cansado ou se recuperando de qualquer tipo de doença. Além disso, as drenagens linfáticas são benéficas para esportistas, pacientes cirúrgicos e portadores de doenças como fibromialgia.

Isso acontece devido ao fato de que a massagem induz o corpo a um estado de relaxamento, além de ajudar a combater inchaços e a desintoxicar o organismo. Tudo isso contribui para se sentir melhor não apenas física, como também mentalmente.

 

Desfrute do grande poder da drenagem linfática!

 

Existem alguns mitos a respeito dessa técnica, mas a verdade é que ela é muito benéfica para o corpo e para a mente, seja na recuperação de cirurgias plásticas ou mesmo para a eliminação de toxinas do nosso organismo.

Se você deseja sentir tudo de bom que ela é capaz de trazer, aproveite a oportunidade e passe por uma sessão de drenagem linfática. Quem quer ir ainda mais além pode se inscrever em cursos online para aprender a técnica a fundo e, assim, oferecer esse tipo de serviço para ajudar outras pessoas e ainda ser bem remunerado!

Postado por
Janaina

Continue Lendo

You may also like

Resenha – Filtro Solar Ultra FPS 55 Adcos

Ultimamente o que mais tenho resenhado aqui no Blog são protetores solar (e ainda tem bastante artigos para liberar), é um dos produtos que mais consumo na minha rotina de beleza.

A resenha de hoje é sobre O Filtro Solar Ultra FPS 55 da Adcos, conheça mais sobre a história da empresa clicando aqui.

O Filtro Solar Ultra FPS 55 é um protetor solar em gel creme com alto fator de proteção solar (FPS 55) contra os raios UVA, UVB e Infravermelho, que trata enquanto protege a pele. Sua fórmula proporciona ação hidratante, anti-idade e auxilia no combate aos radicais livres e ao fotoenvelhecimento, deixando a pele mais saudável. Oferece ainda ação calmante e anti-inflamatória, além de proteger o DNA celular. O filtro solar possui textura fina, hidratante, tem ótima espalhabilidade e rápida secagem, além de não ser oleoso (produto oil-free) e nem comedogênico.

É um Filtro Solar em gel creme elaborado com extrato de Jasminum officinale, rico em flavonoides, que recuperam a barreira cutânea e reforçam a proteção dos mecanismos de defesa da pele, oferecendo ação calmante e anti-inflamatória. Contém um agente umectante natural que aumenta a capacidade de hidratação da pele, promovendo aparência saudável e reduzindo a aparência das rugas. Sua fórmula possui, ainda, Vitaminas C e E e proporciona ação antioxidante.

Com alto fator de proteção (FPS 55), o filtro solar protege a pele contra os efeitos danosos dos raios UVA, UVB e IV (infravermelho). Sem corantes, com secagem rápida e toque seco, é indicado para todos os tipos de pele, especialmente as secas, sensíveis ou sensibilizadas.
É indicado para uso após tratamentos como peeling, microagulhamento (24 a 48 horas) e laser. Também pode ser usado pós exposição solar em demasia, estrias em locais de exposição ativa e micropigmentação – sobrancelha (24 horas após).

 

– Princípios ativos:

Filtros químicos e físicos: confere proteção Anti UVA e UVB.

  • Nitreto de Boro: filtro solar físico anti IR (infra-vermelho).

  • Fator ARL: blend de ativos contendo: Vitamina A – estimulante da renovação celular; Vitamina E – ARL; Vitamina C – hidratante, estimulante e ARL; Extrato de camomila – calmante e filtro solar natural; Extrato de ginseng – cicatrizante; Extrato de cavalinha – estimula a renovação celular.

  • Extratos de Jasminum Officinalis: rico em ácido gálico, seus benefícios são comprovados de proteção celular contra o stress oxidativo através da proteção ao DNA (contra a “quebra” causada pela radiação solar) e combate a oxidação. Além de reduzir a inflamação.

  • PCA-Na: aumenta a hidratação cutânea.

Opinião sobre o produto:

  • Textura e aplicação:

Possui uma textura grossa, porém é fácil espalhar na primeira camada, não deixa rastro branco, mas na minha pele ele não fica com toque seco, o produto é absorvido rapidamente e deixa um leve glow (cara de saúde. Rs). Ao aplicar uma segunda camada é preciso ter um pouco de atenção/paciência, pois devido a sua textura mais grossa ele tende a arrastar o que está embaixo criando alguns grumos, mas é possível aplicar várias camadas, só atenção na força que será aplicada na mão.

O cheiro é bem suave e o produto não causou reação nas áreas mais sensíveis do meu rosto (bochechas), porém causou leve ardência nos meus olhos (eu aplico protetor solar em toda a pálpebra, pois é uma pele muito fina e precisa de atenção redobrada), evito usar ele na praia pois depois do contato com a água o produto tende a escorrer e isso causa um grande incômodo aos meus olhos. Não posso afirmar que qualquer pessoa que utilizar o produto terá essa reação, visto que meu olhos são muito sensíveis, até com sabonete de bebê (“chega de lágrimas”) os meu olhos irritam.

Aplico o produto também no pescoço e colo e não amarela as roupas.

O Filtro Solar Ultra FPS 55 custa R$142,00* porém a embalagem conta com 120g de produto, se dividirmos o preço pela quantidade sairá bem em conta, pois os principais protetores solar vem em embalagens de 50ml.

Vocês encontram os produtos da Adcos nas lojas Oficiais da marca nos principais Shoppings do Brasil e no E-commerce da marca.

 

*Consulta realizada no E-commerce da marca no dia 29/08/18.

 

Postado por
Janaina

Continue Lendo

You may also like

PELE SECA: PESQUISA COMPROVA ALTERAÇÃO DE CÉLULAS DURANTE O INVERNO

Bepantol® Derma indica os principais cuidados para evitar o ressecamento da pele nesta época do ano

Durante este período do ano, sentimos na pele os sinais do inverno sendo necessário redobrar os cuidados com o corpo quando o assunto é hidratação. Estudos recentes divulgados pela British Journal of Dermatology descobriram que o clima frio e o ar seco fazem com que a camada mais externa das células fique desidratada, o que prejudica a ação de uma proteína chamada filagrina.

Essa proteína é fundamental para a hidratação e também para a composição da barreira de proteção natural da pele, isso porque mantém a coesão entre as células da epiderme, o que evita a perda de fluidos e o ressecamento, além de ajudar a nos proteger de substâncias estranhas e nocivas ao organismo. Quando as reservas de filagrina caem, a pele fica mais ressecada e sujeita à descamação, aumentando o risco de alergias e processos inflamatórios.

Isso significa que, qualquer tipo de pele pode ficar ressecada, até mesmo aquelas mais oleosas. Para reidratá-la, são necessários alguns cuidados especiais, como beber bastante água e utilizar um bom hidratante. Diferente de hidratantes comuns (oclusivos), Bepantol® Derma penetra profundamente nas camadas da pele, criando uma barreira de proteção que evita a perda de água e promove a renovação natural da pele.

Além disso, investir em uma alimentação saudável, rica em vitaminas e antioxidantes, também é fundamental para trazer benefícios à saúde do corpo a longo prazo.

Confira abaixo algumas dicas que Bepantol® Derma sugere para cuidar da pele durante os dias frios:

  • Evite banhos muito quentes! Tente diminuir um pouco a temperatura da água, e até mesmo o tempo de banho, para atenuar os danos à pele.

  • Como o rosto está muito exposto ao vento frio e à diminuição da umidade do aplique Bepantol® Derma Spray para manter a região hidratada e saudável.

  • Se a pele se torna mais sensível no inverno, os lábios sofrem muito mais, podendo ficar ressecados e rachados. Os lábios são semimucosas – uma pele mais fina do que a do restante do corpo e que perde a hidratação com facilidade devido às agressões do tempo, como o frio e o vento. Aplique Bepantol® Derma Regenerador Labial durante o dia e a noite. Ele auxiliará na hidratação da região e evitará rachaduras.

  • Beba bastante água e mantenha uma alimentação adequada, pois a perda de líquido nesta época é ainda maior.

  • Aposte também em Bepantol® Derma Creme nas áreas de maior atrito como joelhos, cotovelos e calcanhares para reforçar a hidratação destas áreas específicas e deixar a pele macia e lisinha.

  • Utilizar protetor solar diariamente.

Sobre Bepantol® Derma

Bepantol® Derma oferece uma linha de cuidados para cada região do corpo. Cada produto da linha tem uma função específica que ajuda na hidratação e restauração profunda da pele e dos cabelos. Sua fórmula contém alta concentração de dexpantenol (pró-vitamina B5), agente hidratante que favorece a renovação natural da pele e dos fios de cabelo.

Bepantol® Derma Spray (Spray com 50 ml) hidrata a pele em segundos. Possui fórmula oil free ideal para combater o ressecamento de qualquer área do corpo. Bepantol® Derma Creme (bisnaga de 20 g ou 40 g) pode ser aplicado em áreas de atrito constante – como cotovelos, joelhos e calcanhares – nas unhas e cutículas. Bepantol® Derma Solução (frasco de 50 ml) pode ser utilizado, com a ajuda de um pente, para hidratar o cabelo. Já Bepantol® Derma Regenerador Labial (bisnaga de 7,5 ml com bico aplicador), além de dexpantenol, conta com vitamina E, que possui ação antioxidante e auxilia na prevenção do envelhecimento precoce da pele.

Preço médio dos produtos da linha sugerido ao consumidor: de R$ 29,00 a R$ 45,00.

Postado por
Janaina

Continue Lendo

You may also like

6 dicas para manter o alongamento capilar sempre lindo

O alongamento capilar vem conquistando o coração das mulheres seja pela praticidade ou pelo desejo de mudar o visual sem radicalizar, obtendo fios mais volumosos e cheios de vida. Entretanto, são necessários alguns cuidados básicos para que as extensões permaneçam sempre em boas condições.

Imagem: Galeria Capelli Divine

Agora, confira 6 dicas para manter o look perfeito:

1.      Pentear os cabelos

Pentear os cabelos deve ser um item incluído na lista de rotinas diárias para manter o alongamento. O importante é ter cuidado e paciência: comece desembaraçando a parte inferior para depois subir ao longo do comprimento. Pentear suavemente gera melhores resultados, uma vez que puxar pode causar a quebra dos fios naturais.

2.      Não dormir com os fios molhados

Dormir com os cabelos molhados pode propiciar a proliferação de fungos, pois o couro cabeludo permanece quente e úmido. Além disso, o hábito também causa a quebra dos fios.

3.      Lavar cuidadosamente 

O momento da lavagem é primordial para a manutenção adequada das extensões. Desembaraçar as madeixas antes de lavar é um segredo simples para garantir que elas continuem lindas. Molhar os cabelos aos poucos também é uma dica para evitar o embaraço no momento de condicionar.

4.      Deixar os cabelos secar naturalmente 

Este é um tópico que Ana Paula Silva, coordenadora do centro especializado em alongamento capilar Capelli Divine, frisa: “evitar o uso de chapinha e secadores muito quentes, principalmente próximos à raiz dos cabelos, é muito importante, já que o calor em excesso pode causar ruptura no alongamento.” No entanto, se optar pelo uso dos aparelhos, prefira temperaturas de média a baixa.

5.      Cuidado com os penteados

Puxar com força, torcer ou fazer qualquer outro tipo de penteado que exerça tensão sobre os fios, sem que a textura seja respeitada, poderá causar danos ao alongamento de cabelo. A dica aqui é evitar para que o uso do alongamento seja prolongado.

6.      Embaraços 

Desembaraçar os cabelos é parte essencial do processo para manter o alongamento sempre em dia. Com os nós, as mechas correm o risco de serem puxadas e arrancadas. Neste caso, a ponta dos dedos é um dos melhores instrumentos para desembaraçar os fios sem danificar as madeixas.

Essas são algumas dicas que podem garantir o sucesso do alongamento. Ana Paula lembra: fazer hidratações semanais e usar produtos adequados, de preferência com fórmulas sem sal, também são alternativas positivas para que as extensões permaneçam cheias de vida. Em resumo, métodos e cuidados básicos recomendados para manter e renovar a saúde dos fios, com ou sem alongamento.

 

Este é um artigo colaborativo realizado pela Capelli Divine .

Postado por
Janaina

Continue Lendo

You may also like